Como é o pós-operatório da cirurgia de joelho?

O pós-operatório de uma cirurgia de joelho varia dependendo do tipo de procedimento realizado, como artroscopia, reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA), substituição total ou parcial do joelho, entre outros, cada um adaptado à condição específica do paciente.

Saiba mais sobre os cuidados pós-operatório da cirurgia de joelho para cada procedimento, quando a cirurgia de joelho é indicada e dicas de um ortopedista especialista em joelho para seu caso. Leia mais!

 

 
Design sem nome – 2024-06-18T104435.410

Quando a cirurgia de joelho é indicada?

A cirurgia de joelho pode ser indicada em várias situações, dependendo da condição específica do paciente e da gravidade do problema. Aqui estão algumas das principais indicações para a cirurgia de joelho:

Lesões do menisco: Quando há uma lesão significativa no menisco que não responde ao tratamento conservador e causa dor e bloqueio articular.  

Lesões do ligamento cruzado anterior (LCA): Rupturas graves dos ligamentos, como o ligamento cruzado anterior (LCA), que comprometem a estabilidade do joelho e não melhoram com fisioterapia.

Lesões do ligamento cruzado posterior (LCP): A ruptura desse ligamento compromete a estabilidade do joelho, na maioria dos casos a cirurgia é indicada para reparação, quando o tratamento conservador não apresenta resultados positivos.

Luxação da patela: Luxações frequentes da patela que não melhoram com tratamento conservador e causam instabilidade e dor.

Artrose: Em casos de osteoartrite avançada onde há dor intensa, deformidade e incapacidade funcional que não são aliviadas por tratamentos conservadores.

Lesão de cartilagem do joelho: Danos significativos à cartilagem articular que causam dor e limitação funcional.

A decisão para a cirurgia deve ser feita após uma avaliação cuidadosa, incluindo exames de imagem (como raio-X, ressonância magnética) e uma discussão detalhada com o paciente sobre os riscos, benefícios e expectativas do procedimento.

Quais os principais procedimentos cirúrgicos?

  • Artroscopia: Um procedimento minimamente invasivo usado para diagnosticar e tratar problemas dentro da articulação do joelho, como lesões meniscais, danos à cartilagem e remoção de corpos livres.
  • Reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA): Cirurgia para reparar um ligamento rompido que é essencial para a estabilidade do joelho, geralmente realizado com enxertos de tendão.
  • Osteotomia: Procedimento que envolve cortar e reposicionar os ossos do joelho para corrigir deformidades e redistribuir a carga na articulação, frequentemente usado para tratar osteoartrite em pacientes mais jovens.
  • Artroplastia Total do Joelho: Procedimento para substituir toda a articulação do joelho por próteses artificiais, geralmente indicado em casos de osteoartrite avançada.
  • Artroplastia Unicompartimental: Substituição de apenas uma parte da articulação do joelho, indicada para pacientes com dano localizado em uma única área do joelho.
  • Sinovectomia: Remoção do tecido sinovial inflamado, geralmente em casos de artrite reumatoide ou sinovite crônica.
  • Meniscectomia parcial: É um procedimento cirúrgico no qual parte do menisco danificado ou rasgado é removida.
  • Reconstrução do ligamento patelofemoral medial: É um procedimento cirúrgico realizado para tratar a instabilidade patelar, geralmente causada por luxações recorrentes da patela.

Cada procedimento é escolhido com base na condição específica do paciente, na extensão do dano e nas metas de tratamento, após uma avaliação detalhada por um ortopedista especialista em joelhos.

Cuidados específicos para cada procedimento

Alguns procedimentos requerem cuidados específicos, confiram alguns deles:

Cuidados essenciais após Artroscopia:

  • Controle da dor com medicamentos;
  • Aplicação de gelo;
  • Movimentos leves.
  • Fisioterapia;
  • Exercícios em casa.

Cuidados essenciais após a Reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA):

  • Inicialmente o ideal é controlar a dor com medicamentos;
  • Aplicar gelo durante as primeiras 48h diminui o inchaço;
  • Fisioterapia inicial, com exercícios passivos;
  • Exercícios de mobilidade;
  • Acompanhamento profissional para os exercícios irem progredindo.

Cuidados essenciais após a Osteotomia:

  • Uso de medicamentos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs);
  • Gelo para diminuição do inchaço;
  • Mobilização inicial;
  • O uso de muletas ou andador é necessário;
  • Fisioterapia.

Cuidados essenciais após a Artroplastia:

  • Medicamentos para a dor;
  • Mobilização para prevenir coágulos;
  • Apoio para caminhar;
  • Fisioterapia;
  • Medicamentos anticoagulantes.

Cuidados essenciais após a Sinovectomia:

  • Medicamentos analgésicos e em alguns casos anti-inflamatórios AINEs;
  • Manter a perna elevada;
  • Aplicação de gelo;
  • Uso de muletas ou andador;
  • Exercícios iniciais em casa;
  • Fisioterapia.

Outros procedimentos cirúrgicos apresentam cuidados semelhantes aos citados, o ideal é buscar um ortopedista especialista em joelhos para acompanhamento específico para o tipo de procedimento realizado e cuidados a longo prazo.

Além disso, é indispensável levar em consideração também os cuidados pré-operatórios, eles serão tão relevantes para o resultado da cirurgia quanto esses. Para saber mais, leia também este artigo.

 
Walking again

Quais os cuidados com os curativos?

Os cuidados com os curativos após cirurgias no joelho são fundamentais para prevenir infecções, promover a cicatrização adequada e garantir uma recuperação bem-sucedida.

Manter o curativo sempre seco, trocar com frequência e evitar molhá-lo é essencial. Além de observá-lo regularmente, para checar se há algum sangramento.

Evite movimentos bruscos, siga as recomendações médicas e mantenha uma hidratação e alimentação adequada, assim, promovendo uma recuperação bem-sucedida.

Quando posso voltar a praticar atividades físicas após a cirurgia de joelho?

O tempo necessário para voltar a praticar atividades físicas após uma cirurgia de joelho depende de vários fatores, incluindo o tipo de cirurgia realizada, a condição do joelho antes da cirurgia, a resposta individual à reabilitação e o tipo de atividade física que se deseja retomar.

O ideal é começar por atividades físicas leves como caminhadas, o que pode variar de uma a duas semanas. Atividades de menor impacto como natação, pode variar de duas a três semanas, já as atividades de maior impacto como corrida pode variar de quatro a seis semanas para liberação do retorno.

Contudo, algumas cirurgias requerem mais tempo, como a prótese de joelho. É claro, tudo depende que o paciente esteja em constante acompanhamento médico para avaliar cada caso.

Possíveis riscos no pós-operatório

No pós-operatório da cirurgia de joelho podem ocorrer algumas complicações, mas esses eventos podem ser isolados e depende das circunstâncias individuais do paciente, alguns desses imprevistos são:

  • Dor persistente;
  • Rigidez e limitação dos movimentos;
  • Hematomas;
  • Problemas com a cicatrização da ferida.

A prevenção e o manejo desses riscos incluem a administração adequada de antibióticos, anticoagulantes, fisioterapia e monitoramento cuidadoso do paciente durante o período de recuperação. Por isso os cuidados pós-operatórios, seguindo as orientações do ortopedista especialista em joelhos, são tão importantes.

 
Imagem25

Cuidados para o pré-operatório

Os cuidados pré-operatórios antes de uma cirurgia de joelho são fundamentais para garantir um procedimento bem-sucedido. Esses cuidados envolvem desde a escolha de um cirurgião confiável até o cumprimento rigoroso das orientações fornecidas pelo profissional.

Algumas dicas incluem:  

  • Encontre um cirurgião qualificado;
  • Informe detalhadamente sobre seu histórico médico;
  • Faça os exames pré-operatórios solicitados;
  • Atenção a alimentação;
  • Evite atividades físicas excessivas antes da cirurgia de joelho;
  • Se atente aos cuidados com a higiene e o uso de medicamentos. 

 

+Leia também:

Guia de cuidados pré-operatórios para cirurgia de joelho

Tratamentos mais indicados para a dor no joelho

Conheça o Dr. Diego Moelas

O Dr. Diego Moelas é Ortopedista, Especialista em Cirurgia de Joelho e Artroscopia. Acredita no atendimento humanizado e personalizado, colocando o bem-estar do paciente em evidência.

Atende em diversos hospitais de São Paulo (Hospital Sírio-Libanês, Hospital Nove de Julho, Hospital Samaritano, Hospital Oswaldo Cruz, entre outros), ele está disposto a te ajudar e melhorar a sua qualidade de vida!